1 de mai de 2012

Mini Fic "Morando com o inimigo" - Capitulo 3 - Maratona Parte 1 | 1/6



Ainda atordoada com o que acabara de acontecer eu entrei em casa. Vi que meus pais já estavam lá, conversando, apenas acenei e fui para meu quarto. As imagens de Kevin e Joseph não saiam da minha cabeça, estava realmente confusa, um me odeia e outro me beija. Era estranho o que eu sentia pelo Joseph e não sabia o que sentia pelo Kevin. Tomei um banho decidida de que deveria deixar as coisas acontecerem entre Kevin e eu, e tentar reverter a situação entre Joseph e eu. Fiquei no meu quarto por um bom tempo, ainda refletindo nas coisas que estavam mudando em minha vida. Agora eu tinha amigos, e eu gostava disso. Percebi que fiquei muito tempo em meus pensamentos, e já havia anoitecido. Meus pensamentos são coisas que me tiram do mundo real, isso me assustava às vezes. Minha mãe havia me chamado pro jantar, enquanto comiamos, meus pais falavam de algum casal de amigos que vão se separar. "Mais um?" pensei comigo. Porque esse povo casa, então?
Fui dormir, aquele papo de separação estava me enchendo. Mas não foi uma noite muito boa, tive sonhos estranhos, pares de olhos azuis me encarando.
Acordei desanimada, a minha vontade era jogar o despertador pela janela, mas eu estava tão mole que eu não teria força para isso. Tomei meu café da manhã, minha mãe disse que ia chegar um pouco mais tarde porque iria visitar os amigos que vão se separar. Então fui para o colégio. Encontrei meus amigos sentados no gramado, eNick com um violão, isso me animou um pouco, eu gostava de ouvir ele tocar. Sentei discretamente ao lado de Danielle e Selena.
- Hey Demi, como foi seu passeio com o Kevin ontem? - Danielle me perguntou um pouco séria.
- Ah foi legal. - Dei um meio sorriso e voltei a prestar atenção na música.
Olhei para os lados e vi Joseph um pouco mais distante me encarando, mas o olhar era diferente, ele definitivamente não queria me matar agora, mas dizer alguma coisa. Eu não queria ir até lá, mas meu impulso foi maior, me levantei e sentei ao seu lado, em silêncio, se ele queria falar alguma coisa, ele que começasse.
- Como foi seu passeio ontem? - Ah pronto, agora todo mundo já sabia?
- Legal, comemos um enorme sorvete. - Tentei ser indiferente.
- Pela cara dele parece que foi melhor. - Agora ele me encarava, os olhos tentando me decifrar, tentando arrancar a verdade. O que isso importava afinal?
- Aonde você quer chegar, Joseph?
- Em lugar nenhum, eu não me importo com que acontece com você. - Ele não me encarava mais.
- Bom saber disso. - Eu estava tão magoada que isso saiu como um sussurro, mas ele me olhava e tenho certeza que me ouviu, então levantei e evitei olhar para ele pelo resto do dia.
A aula passou arrastada, eu já não me concentrava mais, sabia que teria que correr para tirar boas notas. Na saida encontrei a Sel.
- Sel, quer ir lá pra casa hoje? - Eu queria me distrair, conversar com alguém.
- Claro! Vamos lá! - Ela respondeu animada.
Eu não tinha falado com Kevin aquele dia. No caminho para minha casa encontramos Liam e Nick.
- Hey! Aonde vão? - Sel perguntou.
- Estamos indo pra casa! E você mocinha? Aonde vai? - Nick perguntou para namorada.
- Pra casa da Demi.- Ela respondeu.
- Vamos para lá também, meus pais vão demorar pra voltar hoje. - Disse animada com a idéia, isso ia me distrair bastante. Era o que eu precisava.
- Legal! - disse Liam.
Caminhamos mais um pouco e chegamos finalmente em minha casa. Me joguei no sofá depois de ligar o video-game.
- Meu Deus, você joga? - Liam perguntou com os olhos arregalados.
- Claro, por que não? - Estranhei o susto dele, acho que ele não esperava uma menina fazer isso, puro machismo.
- Então eu vou te detonar. - Ele disse já pegando o outro controle.
- Isso é que nós vamos ver. - Gargalhei ao seu lado.
Depois me dei conta de que tinha ignorado completamente Selena e Nick, mas era eles que tinham nos ignorado, estavam namorando no sofá. Depois de um tempo todos jogavam também, e Selena tinha se empolgado tanto que agora gritava em minha torcida.
O dia tinha sido realmente muito divertido, mas nós nos cansamos do video-game. Estava ficando tarde e todos estavam indo embora.
- Liam eu ainda vou te derrotar. - Eu disse rindo esquanto eles saiam.
- Treina bastante Demi. Tchau! - Ele se despediu.
- Sel, amanhã você pode voltar? - perguntei.
- Claro Demi, tchau!
- Tchau Demi - Nick também se despediu.
Eles foram embora e eu começei a me desesperar, eu precisava achar alguma coisa pra me distrair agora. Quando estava indo tomar banho meu celular toca, não fiz questão de olhar o número e atendi.
- Alô.
- Demetria? É o Kevin!
- Oii pessoa. Tudo bem? - Meu humor mudava muito rápido, acho que eu era bipolar.
- Tudo, eu não consegui conversar com você hoje, só queria dizer que..
- Que?
- Que é melhor deixar as coisas acontecerem pra gente, sem forçar nada, eu ainda não sei o que sinto em relação à você e não quero que você pense que sou um babaca aproveitador. - Ele riu.
- Eu sei Kevin, relaxa, tá tudo bem! - Bom, pelo menos ele foi sincero.
- Ok, Tchau Demi, até amanhã!
- Tchau Kevin!
Desliguei o telefone e fui tomar banho. Banheiro era outro lugar no qual eu refletia bastante. Estava muito magoada com o Joseph, ele não se importava comigo, se é assim, também não vou mais me importar com ele.
Depois do banho eu fiquei esperando meus pais na sala, vendo qualquer coisa inútil que passava na tv. Já era meia-noite e nada deles voltarem, eu estava preocupada, minha mãe nunca demorava tanto assim, ela era até muito certinha, nunca se atrasava, se fossemos sair as quatro horas da tarde, as duas ela já estava pronta.
Eu já cochilava no sofá, quando o telefone de casa toca, levei um susto e me dirigi ao telefone xingando.
- Alô - Minha voz saiu rouca.
- Filha? - Reconheci aquela voz.
- Mãe? Onde vocês estão?
- Estamos saindo do restaurante com esse nosso casal de amigos, logo estaremos em casa. - Disse minha mãe.
- Tá, Tchau!

Desliguei o telefone e fui dormir, agora mais tranquila.

Nenhum comentário:

Postar um comentário